Bibi Perigosa aciona Justiça contra a Globo após cachê baixo de novela

Fabiana Escobar suspeita que a emissora não tenha repassado valores corretamente para ela após venda de A Força do Querer para o exterior

| METRóPOLES/SAULLO BRENNER


publicidade

Fabiana Escobar, a Bibi Perigosa da vida real, acionou a Justiça contra a TV Globo novamente. Desta vez, a mulher suspeita que a emissora carioca não tenha pago todos os valores referentes aos direitos autorais de A Força do Querer quando a novela foi vendida para outros países.

De acordo com o site Notícias da TV, Fabiana espera que a Globo apresente todos os contratos de comercializações internacionais. Porém, em 18 de fevereiro — após o juiz Carlos Sergio dos Santos Saraiva, da 43ª Vara Cível da Comarca do Rio de Janeiro, determinar que a emissora quite débitos com Fabiana —, a Globo informou que não há mais nada a repassar para a mulher.

Fabiana, que teve sua história com envolvimento com o tráfico em 'A Força do Querer', é interpretada por Juliana Paes na tramaAlex Santana

O canal também exibiu comprovante no valor de R$ 1.006,40 que teria pago a Bibi em 11 de novembro de 2020. Conforme a publicação, o valor é referente à reprise da trama.

Fabiana vendeu os direitos autorais de seu livro, Perigosa — que inspirou a personagem de Juliana Paes — à emissora por R$ 20 mil. Caso a novela fosse reexibida em TV aberta, Bibi concordou com a cláusula do repasse de 5% do valor.

Desta forma, a Globo fez depósito de mais de R$ 1 mil para ela no ano passado, ainda segundo o Notícias da TV. Porém, o que inquieta Fabiana são os valores de comercialização no exterior.

A emissora eria transferido para ela a quantia de R$ 304.617,54 após a venda da novela para a emissora portuguesa SIC. Sobre a venda para a Semba Studio LLC, dos EUA, Fabiana faturou R$ 1.906,68. Com o canal armênio-russo ARTN em Los Angeles, o valor foi de R$ 1.386,75.

Para ela, a quantia está estranha. “O juiz já mandou a Globo apresentar esses contratos, mas ela não quer. Ou seja, afrontou o juiz. Agora o problema é entre eles. Mas eu faço questão de receber tudo o que me é de direito”, protestou.



Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do portal Itaporã news (67) 996418820

Curta nossa Fan Page e fique por dentro de tudo que acontece em Itaporã, Região, Brasil e Mundo!

Clique aqui e receba notícias do Itaporã News no seu WhatsApp!

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE