Vídeo: comerciante é detido por descumprir decreto em Ivinhema

O empresário foi acompanhado de uma advogada e disse que assinou um termo de compromisso, que vai cumprir o decreto

| TOP MíDIA NEWS/DIANA CHRISTIE


Crédito: Reprodução/Instagram
publicidade

O comerciante Geferson Deodato Soares, 37 anos, foi detido por descumprir o decreto estadual, que determina o fechamento de serviços não essenciais em Mato Grosso do Sul até o dia 4 de abril. As informações são do Jornal da Nova.

O caso aconteceu em Ivinhema. Ele gravou vídeos mostrando várias lojas de portas fechadas e desafiando as autoridades a fechar seu estabelecimento. Chegou, inclusive, a dizer que se fosse preso, voltaria a descumprir as regras.

Equipes da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar, Vigilância Sanitária e Polícia Civil foram até a loja e levaram Geferson até a delegacia. Ele filmou a ação e disse que processaria e exigiria na Justiça, além de indenização por danos morais.

O empresário foi acompanhado de uma advogada e disse que assinou um termo de compromisso, que vai cumprir o decreto. “Não ameacei ninguém, não acusei ninguém, apenas estou lutando pelo meu direito e vou continuar lutando”, garantiu.

Ele foi autuado por infração de medida sanitária preventiva, desobediência e ameaça, e deve ser ouvido na próxima semana.



Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do portal Itaporã news (67) 996418820

Curta nossa Fan Page e fique por dentro de tudo que acontece em Itaporã, Região, Brasil e Mundo!

Clique aqui e receba notícias do Itaporã News no seu WhatsApp!

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE