Próximo Honda HR-V é flagrado em estrada no Japão

| NOTICIAS AUTOMOTIVAS


publicidade

Você gosta do Honda HR-V como um SUV compacto? Então aproveite enquanto ele ainda está à venda, pois, a próxima geração vai crescer e, com certeza, ficará bem mais cara.

A mudança de posicionamento tem nome: Toyota Corolla Cross. Mas, ambos tem outro em vista: Jeep Compass. Bom, pelo menos por aqui. O atual SUV da Honda migrará da plataforma do Fit para a base do Civic, segundo fontes japonesas.

Ainda não se sabe se esta será da geração 11 do sedã, que você pode conferir aqui, ou se é baseada na atual devidamente encurtada. Essa alteração permitirá que o Novo HR-V fique maior e alcance até 4,45 m para se equiparar ao rival da Toyota.

O maior porte não significará necessariamente espaço interno ampliado, uma vez que o modelo atual é baseado no Fit e isso se traduz em volume interno excelente.

Também não se deve esperar pelo sistema ULTra Seat, visto que a base do Civic é tradicional. A suspensão traseira, porém, não será multilink e sim por eixo de torção.

Assim, o tanque sairá da posição central – sob os assentos dianteiros – e migrará para baixo do banco traseiro. O que se deve esperar, no entanto, é uma opção AWD e talvez com base no CR-V.

Já a hibridização com opção plug-in deve aparecer, embora só a “mecânica” do Novo City permitiria ao SUV ter 151 cavalos usando motor 1.5 litro e boa autonomia no modo elétrico.

De acordo com rumores vindos do Japão, a alteração permitirá ao chamado ZR-V entrar na ordem do dia e ocupar parte do espaço deixado pelo SUV atual, o que garantiria a sobrevivência do WR-V para uma próxima geração, importante para Brasil e Índia.

Nas imagens, feitas no Japão, é possível ver como o HR-V 2022 ficou maior, tendo uma frente mais imponente e alta, com faróis de LED afilados e hexagonal, mas ainda com um para-choque volumoso.

Assim como nas imagens anteriores, o HR-V 2022 chama atenção por sua linha de cintura elevada e área envidraçada menor que a atual, tendo ainda portas traseiras grandes.

Com colunas C bem inclinadas, o SUV tem ainda defletor de ar pronunciado e lanternas traseiras horizontais, menos afiladas que os faróis, mas ainda buscando se harmonizar com eles.

Na mecânica, o uso de motores 1.0 Turbo de 130 cavalos e 1.5 Turbo com 173 cavalos, bem como variantes 2.0 de 150 cavalos. O câmbio CVT será presença nessas variantes, ficando o de dupla embreagem para as opções híbrida e híbrida plug-in. Aqui, seria interessante o híbrido 1.5 de 151 cavalos com tecnologia flex e o 1.5 Turbo.

[Fonte: Worldscoop]



SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR! COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS!

Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do portal Itaporã news (67) 996418820

Curta nossa Fan Page e fique por dentro de tudo que acontece em Itaporã, Região, Brasil e Mundo!

Clique aqui e receba notícias do Itaporã News no seu WhatsApp!

Siga o Itaporã News no Youtube!

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE