Enxame de abelhas que atacou idosa é transitório, alerta tenente-coronel

| A CRíTICA/CARLOS FERREIRA


O ataque aconteceu entre as ruas Arthur Bernardes e Miranda - (Foto: Reprodução/Google Street View)
publicidade

Populares da Vila Almeida em Campo Grande foram pegos de surpresa com um ataque de abelhas que aconteceu na rua Miranda com a rua Presidente Arthur Bernardes na manhã de hoje (13).

Conforme Chefe da Assessoria de Comunicação da Corporação, tenente-coronel BM Fernando Carminati, ao portal A Crítica, o enxame de abelhas que atacou duas pessoas é transitório, ou seja, ainda não encontraram um local para se alojar.

A vítima que é alérgica a picada de abelhas estava limpando a residência no momento do ocorrido. Ela foi levada a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Vila Almeida. O idoso que tentou ajudá-la, passa bem.

Quem passou mais cedo notou que era impossível passar, pois as abelhas já haviam tomando conta da região e por isso a rua foi toda isolada para conter que mais pessoas fossem feridas.

De passagem - O período entre a primavera e o verão concentra o momento de reprodução das abelhas. Chamado de enxameação, é quando as colméias se reproduzem e escolhem os locais onde ficarão instaladas. Esses enxames acabam por se instalar em casas ou locais de circulação de pessoas e podem causar alguns transtornos.

Para evitar acidentes é preciso remover os enxames destes locais, mas para isso não é necessário matar as abelhas, que desempenham importantes papeis na natureza.



SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR! COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS!

Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do portal Itaporã news (67) 996418820

Curta nossa Fan Page e fique por dentro de tudo que acontece em Itaporã, Região, Brasil e Mundo!

Clique aqui e receba notícias do Itaporã News no seu WhatsApp!

Siga o Itaporã News no Youtube!