Carretas são apreendidas com madeiras ilegais em MS

| LIGADO NA NOTíCIA


publicidade

Ontem (11/10), a PMA (Polícia Militar Ambiental) de Cassilândia apreendeu duas carretas com 81 m³ de madeira ilegal e aplicou multa de R$ 24,9 mil em duas madeireiras de Rondônia. O fato aconteceu na rodovia MS-306.

Segundo o registro policial, a primeira apreensão foi de um caminhão Tractor Mercedes Benz, com uma carreta acoplada transportando carga em excesso de 7 m³, ao que constava na autorização ambiental (Documento de Origem Florestal - DOF) e na nota fiscal.

O veículo com reboque transportava 34 m³ de madeira e na documentação ambiental e na nota fiscal constavam apenas 28 m³. Além disso, o itinerário que constava na documentação ambiental não passava por Mato Grosso do Sul, o que é ilegal e por si só caberia a apreensão e autuação.

A carreta com reboque carregada com a madeira pertencente a uma empresa com domicílio jurídico em Espigão do Oeste (RO) foi apreendida. A empresa infratora foi autuada e multada R$ 10.500,00. A carga seguia de Espigão do Oeste (RO) para a cidade de Tietê (SP).

Já na segunda apreensão, ainda conforme o boletim policial, os policiais pararam um veículo Tractor Volvo com carreta bitrem acoplada transportando 47 m³ de madeira. O itinerário que constava na documentação ambiental não passava pelo Estado, o que é ilegal. O veículo e a carga pertencente a uma empresa com domicílio jurídico em Porto Velho (RO) foram apreendidos.

A carga seguia de Porto Velho (RO) para a cidade de Ipaussu (SP). A empresa infratora foi autuada e multada R$ 14.100,00.

O material apreendido e os veículos foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Cassilândia. Os responsáveis pelas empresas responderão por crime ambiental e poderão pegar pena de seis meses a um ano de detenção.



SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR! COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS!

Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do portal Itaporã news (67) 996418820

Curta nossa Fan Page e fique por dentro de tudo que acontece em Itaporã, Região, Brasil e Mundo!

Clique aqui e receba notícias do Itaporã News no seu WhatsApp!

Siga o Itaporã News no Youtube!

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE