Bolsonaro aposta em Tereza Cristina para retomar diálogo com a China

Tereza Cristina pode ser a ponte para conseguir insumos para a vacina da covid; Trad cobra empenho de Bolsonaro

| TOP MíDIA NEWS/DIANA CHRISTIE


Crédito: Reprodução/Facebook/Tereza Cristina
publicidade

Ministra de Agricultura, a sul-mato-grossense Tereza Cristina volta a ser destaque nacional. Ela é uma das apostas do ministro da Casa Civil, Braga Netto, para retomar o diálogo com a China, que sofreu diversos insultos por parte da família Bolsonaro desde o início da pandemia da covid-19.

O objetivo é desenrolar a importação dos insumos para vacinas contra o novo coronavírus, já que o chanceler Ernesto Araújo não consegue interlocução. Além de Tereza, seriam acionados Roberto Campos Neto (Banco Central), Bento Albuquerque (Minas e Energia) e até o vice-presidente Hamilton Mourão, segundo o jornal Estadão.

Tereza vem segurando as pontas das relações internacionais, apesar das críticas do presidente, porque a economia brasileira, especialmente o agronegócio, depende – e muito – do país, tanto para exportação quanto importação. O Brasil também precisa de insumos farmacêuticos ativos da China para a produção de doses da Oxford/Fiocruz e da Coronavac/Butantan.

Ernesto é considerado “peça fora do tabuleiro”, mesmo após enviar uma carta ao seu correspondente chinês para tratar dos insumos. No passado, Ernesto já pediu por duas vezes “a cabeça” do embaixador Yang Wanming, então só pode esperar hostilidade da outra parte.

Deputado federal por MS, Fábio Trad (PSD) já cobrou o presidente Bolsonaro para agir. “Já que foi feita toda a trapalhada, o certo seria o próprio presidente ir pessoalmente à China tentar normalizar as relações. Este é o papel do líder diante da ameaça de morte que ronda o povo que governa. Bolsonaro precisa assumir pessoalmente esta responsabilidade”.



Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do portal Itaporã news (67) 996418820

Curta nossa página: https://www.facebook.com

Clique e receba notícias do Itaporã News no seu WhatsApp!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE