Homem estupra filha de dez meses e pesquisa na internet: 'como saber se bebê está morto'

Fiança dele foi arbitrada em 1 milhão de dólares

| TOP MíDIA NEWS/THIAGO DE SOUZA


Crédito: Polícia de Montgomery
publicidade

Austin Stevens, 29 anos, foi preso depois que a bebê dele, de dez meses, morreu ao dar entrada em um hospital no estado da Pensilvânia, Estados Unidos. Ela tinha sinais de violência sexual e a polícia descobriu que, depois de abusá-la, ele procurou saber na internet ‘’como sei se um bebê está morto’’. 

O caso ocorreu no condado de Montgomery, segundo o Fox 29. A criança, Zara Scruggs, foi internada no domingo à noite após ser achada desacordada. Além da agressão sexual, a pequena sofreu um trauma na cabeça. 

As suspeitas recaíram sobre o pai na menina, Austin Stevens, de 29 anos. A investigação mostrou que, antes de ligar para a emergência, o homem fez pesquisas no Google por temos como 'se o bebê parar de respirar', 'meu bebê não está respirando' e 'como sei se um bebê está morto'.

Stevens agora enfrenta acusações equivalentes a atendado violento ao pudor, estupro de vulnerável, lesão corporal e negligência. Ele se encontra preso, com fiança estabelecida em 1 milhão de dólares. A audiência preliminar sobre o caso está marcada para o dia 13 de outubro.



SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR! COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS!

Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do portal Itaporã News! 

Curta nossa Fan Page e fique por dentro de tudo que acontece em Itaporã, Região, Brasil e Mundo!

Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real

Siga o Itaporã News no Youtube!

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE