Mato Grosso do Sul não registra óbito por dengue há três meses

| DOURADOSNEWS / WENDER CARBONARI


Criança de 10 anos morreu de dengue hemorrágica em Dourados no mês de maio - Crédito: Arquivo/Dourados News
publicidade

Com alta incidência e mais de 70 mil notificações acumuladas em 2020, Mato Grosso do Sul não registou óbitos causados pela dengue entre os meses de setembro e novembro deste ano. 

As 42 mortes atribuídas as complicações geradas por transmissão do mosquito aedes aegypti no Estado foram registrados entre os meses de janeiro e agosto, de maneira ininterrupta. Este é o número mais alto de óbitos por dengue nos últimos oito anos.

As informações foram publicadas em atualização do boletim epidemiológico da dengue, disponibilizado nesta quinta-feira (3) pelo setor de vigilância epidemiológica da SES (Secretaria de Estado de Saúde). 

Do dia 25 de novembro até hoje foram registrados 246 notificações por dengue. Mato Grosso do Sul tem atualmente 29.954 confirmações por critério-epidemiológico e 10.625 por exames feitos em laboratórios. 

Já Dourados possui 2.230 notificações, sendo 1.197 casos de dengue confirmados neste ano, com três mortes por dengue registradas.  

Confira a distribuição espacial dos óbitos por dengue em Mato Grosso do Sul registrados em 2020:



SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR! COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS!

Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do portal Itaporã News! 

Curta nossa Fan Page e fique por dentro de tudo que acontece em Itaporã, Região, Brasil e Mundo!

Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real

Siga o Itaporã News no Youtube!

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE