Preço da soja cai em apenas uma praça. Veja as cotações de segunda

Porto de Rio Grande foi o local onde a oleaginosa teve o maior valor negociado

| CANAL RURAL


publicidade

Os preços da soja subiram nesta segunda-feira na maioria das praças de negociação, acompanhando a valorização de Chicago. A queda do dólar limitou a comercialização, com registro de operações isoladas.

– Passo Fundo (RS): a saca de 60 quilos subiu de R$ 167,00 para R$ 168,00

– Região das Missões: a cotação avançou de R$ 166,00 para R$ 167,00

– Porto de Rio Grande: o preço subiu de R$ 171,00 para R$ 173,00 a saca

– Cascavel (PR): o preço aumentou de R$ 164,50 para R$ 167,50

– Porto de Paranaguá (PR): a saca avançou de R$ 169,50 para R$ 172,50

– Rondonópolis (MT): baixou de R$ 159,00 para R$ 157,00

– Dourados (MS): a cotação seguiu em R$ 159,00

– Rio Verde (GO): a saca avançou de R$ 155,00 para R$ 156,00

Chicago e a soja

Os contratos futuro da soja negociados na Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) fecharam a segunda-feira com preços mais altos. O mercado se firmou no território positivo na parte da tarde, assimilando sinais de demanda firme pelo produto americano, bem como a recuperação do petróleo e o bom desempenho do trigo.

As inspeções de exportação norte-americana de soja chegaram a 1.684.13 toneladas na semana encerrada no dia 18 de novembro, conforme relatório semanal divulgado pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA). O mercado esperava o número em 1,8 milhões de toneladas. Na semana anterior, as inspeções de exportação de soja haviam atingido 2.362.473 toneladas.

Apesar do resultado um pouco abaixo do esperado, os agentes apostam em procura crescente por parte da China e também no mercado interno, por parte dos processadores. A alta do petróleo e do trigo ajudaram na recuperação dos contratos futuros da oleaginosa.

Os contratos da soja em grão com entrega em janeiro fecharam com alta de 11,00 centavos de dólar por bushel ou 0,87% a US$ 12,74 1/4 por bushel. A posição março teve cotação de US$ 12,86 1/475 por bushel, com ganho de 11,25 centavos ou 0,88%.

Nos subprodutos, a posição dezembro do farelo fechou com baixa de US$ 1,80 ou 0,48% a US$ 370,00 por tonelada. No óleo, os contratos com vencimento em dezembro fecharam a 59,41 centavos de dólar, com alta de 1,25 centavo ou 2,14%.

Câmbio

O dólar comercial encerrou a sessão em baixa de 0,28%, negociado a R$ 5,5940 para venda e a R$ 5,5920 para compra. Durante o dia, a moeda norte-americana oscilou entre a mínima de R$ 5,5640 e a máxima de R$ 5,6140.

Agenda de terça

– Dados sobre as lavouras do Paraná – Deral, na parte da manhã.



Compartilhe Esta Notícia Com Os Seus Amigos!

Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do portal Itaporã news (67) 996418820

Curta nossa Fan Page e fique por dentro de tudo que acontece em Itaporã, Região, Brasil e Mundo!

Clique aqui e receba notícias do Itaporã News no seu WhatsApp!

Siga o Itaporã News no Youtube!

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE