Advocacia é a profissão que predomina entre candidatos a prefeito

| O PROGRESSO


Crédito: Divulgação
publicidade

Dos sete candidatos a prefeito que disputam a vaga no Executivo Municipal para o mandado 2021-2024; três são advogados. Alan Guedes (Progressistas), Barbosinha (DEM) e Wilson de Matos (PTB) são formados em Direito e inscritos no quadro de advogados da OAB/MS.

Alan e Barbosinha já exercem cargos públicos há alguns anos. Já Wilson está exercendo a Advocacia e atualmente é presidente da Comissão de Assuntos Indígenas da OAB de Dourados. Também disputam o cargo de prefeito o jornalista Jeferson Bezerra (PMN), o professor João Carlos (PT), o empresário Mauro Thronicke (PSL) e o farmacêutico Racib Harb (Republicanos).

A última pesquisa eleitoral divulgada em Dourados, consta que a principal disputa no momento é entre os dois Advogados: Alan Guedes e Barbosinha. A pesquisa foi realizada no final de setembro pelo Instituto Ranking, registrada no TSE com o número: MS-3154/2020, entrevistou 500 eleitores a partir dos 16 anos de idade. 

Na pesquisa estimulada, em que os nomes dos candidatos são apresentados aos entrevistados, Barbosinha aparece liderando com 44%, em segundo lugar Alan Guedes com 7,20%. Wilson de Matos aparece em terceiro lugar com 6,60% das intenções de votos, Hacib com 3,60%, Jeferson com 3%, Mauro com 2% e João Carlos com 1,60%.

Já na pesquisa espontânea, em que só se pergunta o candidato a prefeito sem citar os nomes, Barbosinha aparece com 24,20%, Alan Guedes com 4% e Wilson de Matos em terceiro lugar com 3,40%, Racib com 2.20%, Jeferson Bezerra com 2% e Mauro com 1.20%. Considerando este cenário, é possível afirmar que existe grande probabilidade de Dourados ter um prefeito advogado.

Em entrevista ao Jornal O PROGRESSO, o Presidente da OAB 4ª Subseção de Dourados, Alexandre Mantovani falou sobre a Advocacia na política. “A OAB é uma instituição classista e participativa nas questões sociais. Em relação a campanha eleitoral das eleições municipais, não nos envolvemos e não manifestamos apoio a quaisquer candidatos, seja para prefeito, vice ou vereador”, frisou.

“Porém, estamos felizes em saber que três colegas estão dispostos a exercer essa importante função que é tornar-se chefe do Executivo Municipal e outros tantos Advogados e Advogadas que disputam cadeira no Legislativo, ficaríamos sim contentes em termos um prefeito Advogado e representantes na Câmara. Desejamos que aquele que vencer o pleito, seja ele Advogado ou não, faça uma boa gestão em prol do município de Dourados”, acrescentou. 

Questionado sobre o peso da responsabilidade de um advogado ocupar os cargos públicos, Mantovani frisou que “todos que se estão aptos e colocam seus nomes a disposição da sociedade e recebem votos, elegendo-se, tem as mesmas obrigações e peso de responsabilidades, independente da formação acadêmica ou profissão que exerce fora do mandato público”,

Ele ainda completa. “Porém, acredito sim, que no caso da Advocacia talvez haja uma cobrança e expectativa maior em relação a observância e cumprimento das leis, já que a profissão está totalmente relacionada a luta pela Justiça e cumprimento da legislação. Portanto, espera-se muita coerência dos candidatos que são advogados e disputam essas eleições e espera-se, caso algum advogado seja eleito, que este honre os princípios da Democracia, da Constituição e que respeite e oportunize a população a ter acesso a todos os Direitos Fundamentais”, destacou Mantovani.



SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR! COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS!

Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do portal Itaporã News! 

Curta nossa Fan Page e fique por dentro de tudo que acontece em Itaporã, Região, Brasil e Mundo!

Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real

Siga o Itaporã News no Youtube!

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE