Conheça os direitos das mulheres com câncer de mama

| O PANTANEIRO/ANHANGUERA


Foto: Imagem ilustrativa
publicidade

O mês de outubro é identificado pela cor rosa e marca as ações em favor da prevenção e combate ao câncer de mama. Com alta taxa de mortalidade entre mulheres, esse tipo de câncer é a primeira causa de morte por câncer na população feminina. Além da conscientização para detecção precoce, a campanha Outubro Rosa também serve para alertar sobre os direitos assegurados por lei para as mulheres que são acometidas pela patologia. 

De acordo com a advogada e coordenadora do curso de Direito da Faculdade Anhanguera,  Daniela Menin, muitas mulheres desconhecem seus direitos quando necessitam de assistência médica e financeira ao fazer o tratamento da doença. “O paciente com câncer tem direitos sociais especiais assegurados, mas precisa cumprir alguns trâmites para ter acesso”, esclarece. 

Segundo definição da Sociedade Brasileira de Patologia, o câncer de mama é um tumor maligno que surge devido a alterações genéticas nas células da glândula mamária. Essas células se tornam defeituosas, proliferando-se de maneira desordenada, o que leva à formação de nódulo (caroço) na mama, em tecidos vizinhos (nódulos na axila) ou em outras partes do corpo (metástases à distância). 

O tratamento depende da fase do câncer, mas pode envolver quimioterapia, radioterapia e até cirurgia. “Durante esse período é possível que surjam efeitos colaterais na paciente, como perda de energia e de apetite, perda de cabelo, sensação de cansaço e outras manifestações físicas e psicológicas que provocam mudanças bruscas na rotina. Alguns benefícios previstos em lei funcionam como uma forma de compensação pelo afastamento do trabalho e outros prejuízos que são ocasionados em razão da doença”, explica Daniela. 

A legislação prevê benefícios para todos os pacientes que convivem com a doença. No específico do câncer de mama existe o direito à cirurgia de reconstrução mamária. “Esse direito pode ser reivindicado no Sistema Único de Saúde (SUS) e também no plano de saúde, já que não tem caráter de cirurgia estética”, orienta a especialista. “No SUS a paciente vai entrar na fila de espera e aguardar. Vale mesmo para as mulheres que já tenham retirado a mama há mais tempo”. 

A professora ressalta que há muitos direitos previstos em lei para assistir a paciente com câncer, como transporte coletivo gratuito (válido em alguns municípios), quitação do financiamento da casa própria para pacientes com invalidez total ou permanente em decorrência da doença e benefício do Loas (Lei Orgânica de Assistência Social). Confira outros direitos assegurados por lei para qualquer paciente com câncer: 

- Lei dos 60 dias: a partir do laudo patológico assinado pelo médico responsável, a paciente tem direito a iniciar o primeiro tratamento no SUS dentro do período de 60 dias.  

- 3 dias de folga por ano: segundo a lei n° 13.667, que alterou o artigo 473 da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), o trabalhador com câncer tem direito a três dias de folga para realização de exames preventivos de câncer, sem prejuízos ao seu salário; 

- Auxílio-doença: é um benefício mensal para quem fica incapaz de exercer seu trabalho, em razão da doença, por mais de 15 dias consecutivos. Na qualidade de segurada, a trabalhadora terá esse direito independente do pagamento de 12 contribuições ao INSS; 

- Aposentadoria por invalidez: se restou sequela do câncer que torne sua incapacidade temporária em permanente, a pessoa terá o direito a se aposentar por invalidez. Também vale para autônomos e Microempreendedores Individuais; 

-  Saque do FGTS e do PIS/Pasep: a mulher trabalhadora com cadastro no Fundo de Garantia por Tempo de Serviço pode efetuar o saque, válido também para o dependente que tenha câncer.  

- Isenção do IPVA, ICMS e IPI, direito à isenção de imposto de renda na aposentadoria. No caso da isenção do IPVA, ICMS e IPI, é preciso que a paciente recorra ao Detran para solicitação de serviço da junta médica. Após, será realizada uma perícia para elaboração do Laudo PNE. 



Compartilhe Esta Notícia Com Os Seus Amigos!

Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do portal Itaporã news (67) 996418820

Curta nossa Fan Page e fique por dentro de tudo que acontece em Itaporã, Região, Brasil e Mundo!

Clique aqui e receba notícias do Itaporã News no seu WhatsApp!

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE