Falando de depressão e hipnose clínica

| DOURADOSNEWS / LUCIANE SPERAFICO


publicidade

A Hipnoterapeuta e mestre em Psicologia “Luciane Sperafico” explica um pouco mais sobre os sintomas da Depressão e o uso da Hipnose clínica como instrumento terapêutico.

A Depressão (CID 10 - F33) é um distúrbio emocional que afeta negativamente a rotina do ser humano, provocando sensações como tristeza profunda e desânimo. Apesar dos esforços, a doença impede que as pessoas enxerguem positividade na vida. Por isso, é importante buscar ajuda profissional e estar atento aos sinais para alcançar a cura.

A depressão é uma doença incapacitante que atinge por volta de 350 milhões de pessoas no mundo. Os quadros variam de intensidade e duração e podem ser classificados em três diferentes graus: leves, moderados e graves. Além disso, ela também pode atingir crianças e adolescentes.  Hoje, a depressão é considerada a quarta principal causa de incapacitação, segundo a Organização Mundial da Saúde.

Esse transtorno psiquiátrico atinge pessoas de qualquer idade, e exige avaliação e tratamento com um profissional. O desânimo sem fim é fruto de desequilíbrios na bioquímica cerebral, como a diminuição na oferta de neurotransmissores como a serotonina, ligada à sensação de bem-estar. 

Quem é mais propenso à Depressão Ela não escolhe muito idade, não, mas é comum entre o final da adolescência e os vinte e poucos anos. Na população adulta, um a cada 15 indivíduos é deprimido. Sim, é muita gente! Considerando-se todas as faixas etárias, estima-se que 16% da população sofra com depressão em algum momento da vida. Entre os sexos, mulheres têm mais propensão que homens.

Mas nem crianças e idosos escapam, e ainda que os sintomas sejam parecidos, existem sinais específicos nessas idades. Os pequenos podem mostrar irritação, recusar-se a ir à escola, evitar o convívio social ou, no caso de adolescentes, beber álcool ou usar drogas. Já os mais velhos apresentam mudanças de personalidade, dificuldades de memória, dores, pensamentos suicidas e pouca vontade de sair de casa.

Alguns sinais que caracterizam a Depressão: * Falta de vontade para realizar atividades que davam prazer Este é o principal sintoma da depressão e está presente desde o início da doença, podendo agravar-se à medida que o transtorno evolui. Isso porque o transtorno depressivo pode fazer com que a pessoa tenha mudanças repentinas e transitórias do estado de humor, podendo ficar mais susceptível ao choro, por exemplo.

Além disso, nessa situação a vontade de realizar atividades que antes eram motivo de alegria, como tocar instrumentos, ver filmes e séries, estar com amigos ou ir a festas, por exemplo, desaparece sem que a pessoa consiga explicar o motivo, sentindo apenas vontade de não fazer nada.

*Falta de energia e cansaço constante A falta de energia e o cansaço constante, que impedem a realização de atividades diárias como higiene pessoal, se alimentar, ir à escola ou trabalho, podem indicar depressão. Além disso, a falta de motivação por não querer fazer nenhuma atividade é um sinal que a depressão está evoluindo.  Quem está com depressão também pode se sentir mais cansado que o normal. É como se o ritmo do mundo estivesse excessivamente acelerado e a pessoa não fosse capaz de acompanhá-lo. O motivo por trás disso é biológico, já que a queda nos níveis de hormônios, como serotonina, noradrenalina e dopamina, causa exaustão e falta de ânimo para realizar qualquer atividade.

* Irritabilidade Devido à tristeza profunda é comum manifestar irritabilidade, ataques de raiva, causando sintomas como tremores, vontade incontrolável de gritar e até suor em excesso. Além disso, podem estar associados alguns sintomas de ansiedade e angústia.

* Dores e alterações no corpo A depressão pode também causar dor de cabeça constante, devido às noites mal dormidas e às alterações do humor, podendo ainda ocorrer sensação de aperto no peito e peso nas pernas. Em alguns casos, pode acontecer queda de cabelo, unhas fracas, pernas inchadas e dor nas costas e estômago, devido á baixa de hormônios. Além de vômitos e tremores, conhecidos como sintomas psicossomáticos. 

* Problemas de sono É comum que em casos de depressão a pessoa apresente insônia terminal, neste tipo não existe problema para adormecer, no entanto a pessoa acorda de madrugada, por volta das 3 ou 4 da manhã e não consegue voltar a dormir pelo menos até as 10 da manhã novamente, e após isso, acorda muito cansada.

* Perda de apetite  A falta de apetite e alteração do peso durante a depressão é resultado de todos os outros sintomas juntos, pois a pessoa não tem energia para se levantar, sente dores, está irritada e com sono, por exemplo. O que também é mais um fator para agravar a perda de peso, pois a pessoa costuma fazer apenas uma refeição ao dia, e geralmente pela insistência de familiares.  As alterações de peso ocorrem pela baixa produção de serotonina no corpo, que também é a responsável pela absorção de nutrientes, e sua redução acaba causando perda excessiva de peso, em um curto período de tempo, pois o corpo não absorve o que se come. 

* Falta de concentração  Durante a depressão, pode surgir a falta de concentração, acompanhada de perda de memória, pensamentos negativos persistentes e indecisão com momentos de enorme desconcentração que afeta o trabalho, escola e interações pessoais. Este sintoma pode ser facilmente notado, pois as pessoas costumam não responder perguntas e olharem para o nada durante longos períodos de tempo, o que leva também a perda do senso de temporalidade.

* Pensamento de morte e suicídio  O conjunto de todos os sintomas da depressão pode fazer com que a pessoa tenha pensamentos de morte e suicídio, isso porque os sentimentos experimentados nesta doença passam a sensação de que não vale a pena estar vivo, considerando essa uma solução para escapar da situação em que se encontra.

* Abuso de álcool e drogas   O abuso no uso de álcool e drogas acontece pela presença de sentimentos como a tristeza e angústia profunda. A pessoa neste caso pode ter a necessidade de sentir alegria e se desligar dos sentimentos causados pela depressão, o que pode ser perigoso, pois o abuso destas substâncias pode levar dependência química e overdose. No entanto, nem todas as pessoas com depressão desenvolvem esse sintoma e, por isso, é importante estar atento a qualquer mudança repentina do estado de ânimo que poderia indicar uma atitude aditiva.

* Lentidão O Transtorno Depressivo pode, algumas vezes, interferir na atividade mental e motora, o que pode fazer com que a pessoa fique mais agitada ou mais lenta, sendo esta última mais comum. Dessa forma, a depressão pode afetar o pensamento, movimentos e a forma de falar, em que a pessoa apresenta pausas quando fala e respostas curtas, ou o contrário, em que apresenta uma fala mais rápida e movimentos repetitivos com as mãos e pernas, por exemplo.

O Tratamento A Depressão pode durar semanas ou mesmo anos. Muitas pessoas que sofrem com a depressão acreditam que não conseguem vencer essa doença, tendo um grande esgotamento mental.

E uma vez que o indivíduo passe por uma crise, corre maior risco de enfrentar episódio semelhante outra vez na vida. Na maioria das vezes, o tratamento é feito em conjunto pelo psiquiatra e o psicoterapeuta.

Os sintomas da depressão podem ser complexos. Dependendo do caso, se faz necessário até a internação clínica do paciente com uso de medicamentos. No entanto, a depressão tem cura e pode ser alcançada com o diagnóstico e tratamento correto. Existem diversos medicamentos antidepressivos e ansiolíticos, que ajudam a regular a química cerebral, e o médico escolherá segundo o perfil do paciente, juntamente com sessões de psicoterapia para a eficácia do tratamento.

Portanto, um dos maiores inimigos de quem sofre de depressão é o estresse. Pessoas deprimidas tendem a ser bem mais estressadas do que o normal.  Isso porque a depressão aumenta os níveis de cortisol, que é o hormônio do estresse. A irritabilidade é notória em pacientes deprimidos. A hipnoterapia clínica neste caso é indicado para diminuir os níveis de estresse, pois esta técnica promove um estado de relaxamento profundo no paciente, trazendo bem-estar, tranquilidade ao ponto de diminuir o sintoma do estresse.

Em outras palavras, a Hipnoterapia auxilia o paciente a controlar sua tristeza, angústia ou ansiedade excessiva, mostrando que ele pode manter o foco no controle de todas as suas emoções, mesmo que sejam negativas. Durante o transe hipnótico, ele pode fazer uma análise de todos ou alguns dos seus problemas, traumas ou medos que o estejam impedindo de ter uma vida mais feliz além de conhecer mais a si mesmo. A Hipnose clínica nada tem a ver com ocultismo, técnica mística, esotérica ou religiosa.

O texto foi esclarecedor? Se ainda restaram dúvidas ou se você deseja compartilhar sua experiência em hipnose clínica, ou deseja fazer uma avaliação Psicodiagnóstica, deixe seu comentário aqui no post! Agende uma consulta conosco!

Agendamentos e Atendimento com crianças, adolescentes e adultos.

CENTRO DE ATENDIMENTO E INTERVENÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA, PSICODIAGNÓSTICO, PSICOLOGIA, NEUROPSICOLOGIA COACH VOCACIONAL & CARREIRA, HIPNOTERAPIA CLÍNICA Os contatos: (67) 999548716  -  (67) 3421 0550 Rua Ciro Melo, 2280    Centro- Dourados/MS Facebook- Cenaipp “Sobre a Profissional-  LUCIANE SPERAFICO” *Mestre em Psicologia * Psicanalista * Hipnoterapeuta * Formação em Psicologia Positiva * Psicopedagoga  * Especialista em Neuropsicologia  * Pedagoga  * Neuropedagoga * Formação em Habilitação e Reabilitação Neuropsicológica “Luriana” *Atualização em Mindfulness   * Especialista Em Educação Especial com ênfase em Autismo * Especialista Em Psicoterapia Cognitivo Comportamental  * Screener da Síndrome de Irlen *Analista Comportamental DISC pela SLAC *Coaching de Carreira & Coaching Vocacional *Facilitadora da metodologia LEGO SERIOUS PLAY e POINTS OF YOU *Tutora Cogmed- Treinamento de Memória Operacional  *Formação em Terapia do Esquema



Compartilhe Esta Notícia Com Os Seus Amigos!

Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do portal Itaporã news (67) 996418820

Curta nossa Fan Page e fique por dentro de tudo que acontece em Itaporã, Região, Brasil e Mundo!

Clique aqui e receba notícias do Itaporã News no seu WhatsApp!

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE