Mulher morre 10 dias depois de ser agredida a tijoladas pelo marido em MS

Mãe do suspeito fez apelo para ele se entregar à polícia. Crime foi em uma aldeia indígena na cidade de Dourados.

| G1 / FLáVIO DIAS/G1MS, CAIO NOGUEIRA E GESSé LOPEZ/TV MORENA


publicidade

Uma mulher de 25 anos morreu nesta quarta-feira (22), dez dias depois de ser agredida a tijoladas pelo marido, de 34 anos, em uma aldeia indígena, em Dourados, região sul de Mato Grosso do Sul. A vítima foi identificada como Maricléia Benitez.

De acordo com a polícia, o crime aconteceu no dia 11 de outubro na aldeia Jaguapiru. Maricleia foi agredida com vários golpes de tijolos e foi socorrida por uma equipe do Corpo de Bombeiros e encaminhada para o Hospital da Vida.

Segundo a mãe do suspeito, que está foragido, o casal se desentedia constantemente. Dados da Delegacia da Mulher, apontam que esse é o segundo caso de feminicídio registrado este ano na cidade de Dourados.

Ainda de acordo com a mãe do suspeito, que fez um apelo para que o filho se entre à polícia, informou que ele é usuário de drogas. Contra ele havia um boletim de ocorrência registrado por violência doméstica. Neste BO, a Justiça concedeu medida protetiva, mas esta foi recusada pela vítima, segundo delegado regional.

A Delegacia da Mulher de Dourados investiga o caso que foi registrado como feminicídio. Segundo a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), com esse caso, já são 30 feminicídios registrados em Mato Grosso do Sul em 2020



SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR! COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS!

Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do portal Itaporã news (67) 996418820

Curta nossa Fan Page e fique por dentro de tudo que acontece em Itaporã, Região, Brasil e Mundo!

Clique aqui e receba notícias do Itaporã News no seu WhatsApp!

Siga o Itaporã News no Youtube!

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE