Com arbitragem feminina, Botafogo empata sem gols com Nova Iguaçu no Engenhão

| ESTADãO CONTEúDO / CAMPO GRANDE NEWS


Romildo jogador do Botafogo disputa lance com Andrey jogador do Nova Iguaçu durante partida no estádio Engenhão pelo campeonato Carioca 2021. (Foto: Estadão Conteúdo)
publicidade

Em jogo morno, sem grandes oportunidades, o Botafogo não passou de um empate sem gols diante do Nova Iguaçu, neste domingo, no estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro, e agora terá que vencer na volta para chegar à final da Taça Rio no Campeonato Carioca. Como tem campanha melhor, o Nova Iguaçu poderá decidir em casa no próximo domingo, às 18 horas, e ainda jogará por novo empate. Ao Botafogo restará uma vitória simples.

O vencedor pegará Vasco ou Madureira. A partida teve arbitragem feminina. Rejane Caetano da Silva, do quadro da Fifa, ficou no apito e contou com as assistentes Andréa Izaura Marcelino e Fabiana Nóbrega. A árbitra mostrou quatro cartões amarelos: Pedro Castro e Rickson, do Botafogo, e Anderson Künzel e Gabriel, do Nova Iguaçu. De repente, em um jogo fraco, acabou chamando a atenção.

O primeiro tempo de Botafogo x Nova Iguaçu foi fraco, sem grandes jogadas. O time alvinegro tomou a iniciativa. Aos 6 minutos, Marco Antônio, livre, aproveitou cruzamento de Felipe Ferreira e cabeceou com perigo. O visitante apareceu só aos 32. Anderson Künzel bateu firme de fora da área e a bola passou perto do gol de Douglas Borges. No segundo tempo, Abuda colocou na cabeça de Anderson Künzel, que deu no contrapé do goleiro do Botafogo. Mesmo assim, Douglas Borges fez boa defesa. O time alvinegro chegou aos 21 minutos em finalização de Matheus Nascimento, mas Luís Henrique espalmou.



Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do portal Itaporã news (67) 996418820

Curta nossa Fan Page e fique por dentro de tudo que acontece em Itaporã, Região, Brasil e Mundo!

Clique aqui e receba notícias do Itaporã News no seu WhatsApp!

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE